Jornal JF
Confira as melhores e mais importantes notícias sobre o INSS, economia, auxílios, benefícios, FGTS e novidades do Brasil, com o Portal Diário Oficial Notícias - A fonte mais completa e confiável para você!

Notícia Boa: Redução de Juros Beneficia Beneficiários do INSS no Consignado. Veja Taxas!

Veja agora as novas taxas do empréstimo e planeje-se!

0

Os aposentados e pensionistas que contam com benefícios do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS) têm motivos para comemorar. Recentemente, foi aprovada uma redução nas taxas de juros do empréstimo consignado, tornando essa modalidade de crédito mais acessível para os beneficiários. Se você faz parte deste grupo e já possui um empréstimo ou está considerando solicitar um, as novas condições podem te interessar.

A decisão, tomada pelo Conselho Nacional de Previdência Social (CNPS), estabeleceu que a nova taxa de juros do empréstimo consignado para beneficiários do INSS será de 1,66%, reduzido de 1,68%. Embora pareça uma alteração pequena, esse ajuste nos juros resulta em uma economia significativa ao longo do tempo para quem paga ou pretende contratar um novo empréstimo.

Quais as novas possibilidades para quem depende de um salário mínimo?

tarja preta escrita empréstimo
Empréstimo consignado do INSS. (Fonte: Reprodução Google).

Anteriormente, a quantia máxima que um aposentado ou pensionista recebendo um salário mínimo poderia solicitar era de R$20 mil. Com a mudança nas condições, agora é possível obter até R$21 mil. Essa expansão no valor disponível é uma notícia excelente, especialmente para aqueles que dependem dessa renda para suas necessidades do dia a dia.

CLIQUE AQUI e receba nossas PRINCIPAIS NOTÍCIAS pelo WhatsApp

Como as taxas de juros mais baixas impactam os beneficiários?

Redução de juros não se limita apenas aos empréstimos consignados. Nos últimos ajustes, as taxas de juros dos cartões de crédito vinculados ao INSS também foram reduzidas, passando de 2,49% para 2,46%. Para os beneficiários, isso significa menos encargos financeiros ao utilizar o cartão de crédito para emergências ou despesas não planejadas.

A revisão de juros é uma vantagem que auxilia na gestão financeira dos aposentados e pensionistas, permitindo que mais dinheiros fiquem disponíveis para outras necessidades essenciais, como saúde e lazer. Importante ressaltar que todas as transações através desses meios garantem a segurança e facilidade, já que os pagamentos das parcelas são descontados diretamente da folha de pagamento.

Leia mais: Boa notícia: confira como receber um valor extra de R$ 300 estando inscrito no CadÚnico

Entendendo a margem consignável: Quanto realmente pode-se tomar emprestado?

  1. Aposentados e pensionistas possuem uma margem consignável de 45%, sendo 35% para empréstimos pessoais e 10% para uso em cartões de crédito do instituto.
  2. Beneficiários do Benefício de Prestação Continuada (BPC) contam com uma margem de 35%, onde 30% é para empréstimos e 5% para os cartões de crédito disponíveis.

Essas margens são vitais para manter a saúde financeira dos beneficiários, evitando o superendividamento. É crucial entender esses limites antes de contratar qualquer serviço financeiro, garantindo assim um uso responsável do crédito disponível.

Leia mais: Confira agora quais medidas o Governo tomou para ajudar o Rio Grande do Sul na catástrofe

Direitos do consumidor e como proceder em caso de cobrança abusiva

É essencial que todos os aposentados, pensionistas e demais beneficiários do INSS estejam atentos às taxas que estão sendo cobradas em seus empréstimos e cartões de crédito. A legislação é clara ao limitar as taxas de juros do empréstimo consignado a 1,66%. Caso encontre discrepâncias, é importante contatar a instituição financeira para ajustes e, se necessário, buscar apoio legal para garantir seus direitos.

As revisões nas taxas de juros oferecem uma oportunidade para que os beneficiários do INSS revisem seus planos e necessidades financeiras com maior flexibilidade e segurança. A orientação é sempre manter-se informado e conferir minuciosamente os termos de qualquer contrato financeiro.

Leia mais: Festival “Salve o Sul”: Música e Solidariedade Unem Forças em São Paulo

Veja Também: Saiba como está a votação no Senado!

14 SALÁRIO INSS: SENADO acaba de MANIFESTAR sobre VOTAÇÃO IMEDIATA. (Fonte: João Financeira TV).


Dica bônus

Receba nossas informações diariamente de forma gratuita, nos seguindo em nossas redes sociais:

CLIQUE E CONHEÇA NOSSA PÁGINA NO INSTAGRAM!

CLIQUE E CONHEÇA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK!

Dica extraTenha todas as informações de forma rápida e sem precisar ler as notícias: Clique aqui, se inscreva em nosso canal do Youtube e assista.