Jornal JF
Confira as melhores e mais importantes notícias sobre o INSS, economia, auxílios, benefícios, FGTS e novidades do Brasil, com o Portal Diário Oficial Notícias - A fonte mais completa e confiável para você!

INSS Emprega Inteligência Artificial para Detectar Fraudes em Auxílio-Doença

Descubra todos os detalhes sobre o auxílio-doença do INSS e esclareça suas dúvidas. Nós fornecemos orientações claras e únicas para facilitar a sua compreensão.

0

Como será a nova análise de pedido para o auxílio-doença do INSS? Afinal, agora, solicitações de auxílio-doença ao INSS (Instituto Nacional do Seguro Social), tem a ajuda de uma nova ferramenta com base em inteligência artificial para ter a análise. Isso vem para reforçar a segurança do processo, com a finalidade de detectar fraudulentas de forma mais efetiva. Entenda o processo.

O que é o Atestmed?

O Atestmed é um sistema que surgiu no ano passado para simplificar todo o processo de solicitação do auxílio-doença. Portanto, os trabalhadores não veem mais a necessidade de se deslocar até uma agência do Instituto Nacional, apenas precisam enviar um atestado médico que comprove a necessidade de afastamento.

CLIQUE AQUI e receba as PRINCIPAIS NOTÍCIAS do Diário Oficial Notícias pelo WhatsApp

Como funcionará esse novo sistema?

Auxílio-doença do INSS agora terá inteligência artificial para detectar fraudes.
Auxílio-doença do INSS agora terá inteligência artificial para detectar fraudes. (Fonte: Edição / Diário Oficial Notícias)

Neste novo sistema, a inteligência artificial analisará os documentos, cruzando os dados do profissional que emitiu o laudo e do trabalhador com outras plataformas de informações. Portanto, será possível detectar fraudes mais facilmente. A ferramenta também possui capacidade de identificar padrões, como pedidos de sequência ou emissão frequente de atestados.

Leia mais: Reajuste de 3,71% para Aposentados e Pensionistas do INSS em 2024: O que você precisa saber!

Os registros dos médicos nos conselhos de medicina também passam por comparação, assim como as grafias dos profissionais. Caso encontre alguma irregularidade, o INSS emite um alerta sobre a possível fraude. Então, se houver a comprovação, os envolvidos arcam com penas criminais.

Até o momento, um caso teve a confirmação pela inteligência artificial e está sob investigação da Polícia Federal de São Paulo.

Leia mais: Portabilidade de Empréstimos Consignados: Guia Completo para Melhorar suas Condições de Pagamento!

Informações que devem constar no Atestmed

  • Nome completo
  • Data de emissão (que não pode ser igual ou superior a 90 dias da data de entrada do requerimento)
  • Diagnóstico por extenso ou código da CID (Classificação Internacional de Doenças)
  • Assinatura do profissional, que pode ser eletrônica e deve respeitar as regras vigentes
  • Identificação do médico, com nome e registro no conselho de classe (Conselho Regional de Medicina ou Conselho Regional de Odontologia), no Ministério da Saúde (Registro do Ministério da Saúde), ou carimbo
  • Data de início do repouso ou de afastamento das atividades habituais
  • Prazo necessário para a recuperação, podendo chegar a 180 dias

Leia mais: Confirmado Reajuste para Aposentados do INSS em 2024! Veja agora o novo valor liberado para você e se surpreenda

Como dar entrada no pedido?

  1. Acesse o aplicativo ou site Meu INSS
  2. É necessário ter senha do Portal Gov.br; informe CPF e, depois, a senha
  3. Clique em “Pedir benefício por incapacidade”
  4. Os agendamentos de perícia vão aparecer na próxima página, mas, para fazer a solicitação, é preciso clicar em “Novo requerimento”
  5. Vá em “Benefício por incapacidade (Auxílio-doença do INSS)” e, depois, em “Ciente”
  6. Leia as informações na tela e clique em “Avançar”
  7. Na próxima página, informe os dados pessoais, como CPF, número de telefone, endereço e e-mail
  8. Escolha “Sim” para acompanhar o número do processo pelo aplicativo, e-mail ou pela Central Telefônica 135
  9. Indique se é autônomo ou empregado de empresa privada (neste caso, é preciso informar a data do último dia de trabalho e o CNPJ da empresa)
  10. Abaixo, clique no sinal de mais e inclua os seus documentos, como o atestado e os laudos médicos, além dos documentos pessoais
  11. A cada inclusão, clique em “Anexar”, depois, em “Avançar”
  12. Em seguida, indique o CEP da residência para que se possa escolher a agência do INSS mais próxima ao qual estará vinculado
  13. Confira as informações, clique em “Declaro que li e concordo com as informações acima”

Veja Também:

INSS confirma MUDANÇA do NOVO PAGAMENTO para os BENEFICIÁRIOS da PREVIDÊNCIA SOCIAL (Fonte: João Financeira TV)

Dica bônus:

Receba nossas informações diariamente de forma gratuita, nos seguindo em nossas redes sociais:

CLIQUE E CONHEÇA NOSSA PÁGINA NO INSTAGRAM!

CLIQUE E CONHEÇA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK!

Dica extra: Tenha todas as informações de forma rápida e sem precisar ler as notícias: Clique aqui, se inscreva em nosso canal do Youtube e assista.