Jornal JF
Confira as melhores e mais importantes notícias sobre o INSS, economia, auxílios, benefícios, FGTS e novidades do Brasil, com o Portal Diário Oficial Notícias - A fonte mais completa e confiável para você!

Diário Oficial divulga grana extra para 3 Grupos do INSS – veja agora

Veja a seguir nova decisão que pode garantir um novo respiro para vários!

0

Em abril deste ano, o Conselho Nacional de Previdência Social (CNPS) aprovou uma nova mudança que garante grana extra para 3 grupos. Saiba mais a seguir!

Quais Os 3 Grupos que tem Direito Ao Extra do INSS?

Diário Oficial divulga grana extra para 3 Grupos do INSS - veja agora
Diário Oficial divulga grana extra para 3 Grupos do INSS – veja agora (Fonte: Edição / Diário Oficial Notícias).

As taxas de juros desempenham um papel fundamental no custo total do Empréstimo Consignado. Quando essas taxas são reduzidas, os aposentados, pensionistas e beneficiários do BPC do INSS podem esperar um custo financeiro menor ao longo do prazo de pagamento do empréstimo.

Leia mais: BOAS NOTÍCIAS: Senado aprova isenção de IPVA! Veja Então Quem Tem Direito

Além disso, juros mais baixos tendem a encurtar o prazo necessário para a quitação do empréstimo, enquanto juros mais altos podem prolongá-lo.

Justificativa para a Redução dos Juros do Consignado

A motivação para essa nova redução dos juros foi o corte de 0,5 ponto percentual na Taxa Selic, os juros básicos da economia brasileira.

No final de março, o Comitê de Política Monetária (Copom) do Banco Central reduziu a Selic de 11,25% para 10,75% ao ano.

Leia mais: Confira alguns direitos e deveres do trabalhador ATUALIZADOS para este ano!

Desde agosto, período que marcou o início dos cortes na Selic, o ministro da Previdência Social, Carlos Lupi, mencionou que seu ministério está atento a essas alterações para propor reduções nos tetos dos consignados à medida que os juros continuem a cair. Todas essas alterações, tem de vir ratificadas pelo CNPS.

Resistência dos Bancos às Reduções de Juros

Durante as últimas reuniões, as instituições financeiras votaram contra essas medidas, argumentando um descompasso entre os juros dos consignados e as taxas praticadas no mercado financeiro.

Em fevereiro, os bancos conseguiram aprovar um dispositivo que estabelece a taxa do Depósito Interbancário (DI) de prazo médio de dois anos como referência para os juros do crédito consignado, um índice tradicionalmente utilizado para calcular os rendimentos de investimentos em renda fixa.

CLIQUE AQUI e receba as PRINCIPAIS NOTÍCIAS pelo WhatsApp

Detalhes da Última Mudança na Taxa de Juros

No dia 24 de abril, o CNPS estabeleceu um novo teto de juros para o Empréstimo Consignado do INSS em 1,68% ao mês. Para o Cartão de Crédito Consignado e Cartão Benefício Consignado do INSS, o teto foi ajustado para 2,49% ao mês.

Com a entrada em vigor deste novo teto de juros, as instituições financeiras que ofertam esse tipo de crédito serão impedidas de exceder esses limites nos novos contratos.

Leia mais: Governo surpreende com adicional de R$ 900 no Bolsa Família: Veja então como receber

É importante notar que os contratos já existentes manterão suas taxas originais, a menos que ocorra uma portabilidade para instituições que ofereçam taxas mais vantajosas.

Essas mudanças são fundamentais para garantir condições mais justas e acessíveis para os beneficiários do INSS que dependem de empréstimos consignados, ajudando a aliviar a carga financeira durante a aposentadoria.

Veja Também: DIÁRIO OFICIAL: INSS APROVA SUSPENSÃO DE DESCONTOS por 180 dias

DIÁRIO OFICIAL: INSS APROVA SUSPENSÃO DE DESCONTOS por 180 dias PARA APOSENTADOS e PENSIONISTAS! (Fonte: João Financeira TV)

Dica bônus

Receba nossas informações diariamente de forma gratuita, nos seguindo em nossas redes sociais:

CLIQUE E CONHEÇA NOSSA PÁGINA NO INSTAGRAM!

CLIQUE E CONHEÇA NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK!

Dica extraTenha todas as informações de forma rápida e sem precisar ler as notícias. Então clique aqui, se inscreva em nosso canal do Youtube e assista.